domingo, 15 de maio de 2011

Arraia comercializada há anos é finalmente descrita pela ciência


Uma espécie de arraia de água doce da Bacia Amazônica foi finalmente descrita pela ciência, após anos sendo comercializada para colecionadores na Ásia. A Potamotrygon tigrina ganhou esse nome por causa do desenho amarelo-alaranjado que tem sobre sua parte superior, que lembra o de um tigre. A variedade habita o alto Rio Amazonas, já em território peruano. A parente mais próxima dessa espécie é a Potamotrygon schroederi, que vive no Rio Negro, no Brasil, e no Rio Orinoco, segundo informa Marcelo Carvalho, biólogo da Universidade de São Paulo e um dos autores do artigo que descreve a Potamotrygon tigrina na revista “Zootaxa”. “Este bicho é importado na Ásia em números grandes. É comum aquaristas terem conhecimento de espécies antes dos pesquisadores”, explica Carvalho. “Fazemos muito trabalho de campo, mas eles muitas vezes conhecem certos habitantes dos rios melhor do que a gente. Mas não sabiam que se tratava de uma espécie não descrita. Essas arraias demonstram que espécies comercialmente importantes, grandes e chamativas continuam sem respaldo científico”, comenta o pesquisador. Como a Potamotrygon tigrina ainda é pouco estudada, não se sabe até que ponto a conservação da espécie está ameaçada.
Foto: Potamotrygon tigrina acaba de ser descrita na 'Zootaxa'. (Foto: A. Bullard e M. Sabaj/Divulgação)
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.