domingo, 8 de maio de 2011

Maioria das espécies de plantas carnívoras correm risco de sumir



Mais da metade das espécies de plantas carnívoras correm risco de extinção pois, além da perda do habitat para a agricultura, há um forte comércio que incentiva a coleta de plantas silvestres. Foi o que apontou o estudo de David Jennings e Jason Rohr do departamento de Biologia Integrativa da Universidade do Sul da Flórida, nos Estados Unidos. As plantas carnívoras vivem em ambientes pobres de nutrientes, têm crescimento lento e baixa taxa de reprodução. O mercado negro destas está tendo um impacto significativo sobre o número de plantas na natureza. A poluição é considerada como outra grande ameaça. O estudo se baseou na lista da União internacional de Conservação da Natureza. Em um artigo publicado no periódico científico Biological Conservation, os autores pontuam o que ameaça à conservação das 48 espécies de plantas carnívoras. Eles ressaltam que assegurar a conservação destas plantas evita a extinção de espécies secundárias que dependem das plantas carnívoras.
Foto: Getty Images; A planta carnívora Dionaea muscipula, também conhecida como como Vênus papa-moscas, está ameaçada de extinção.


Fonte: Último Segundo

Um comentário:

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.