sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Dados da agência espacial europeia são usados para mapear mosquitos


A agência espacial europeia (ESA) está desenvolvendo um serviço para ajudar a mapear a presença de mosquitos causadores de doenças como a febre do Nilo e a dengue. Por meio de monitoramento via satélite e disponibilização de dados enviados por celular, por exemplo, a ESA pode localizar a concentração dos vetores. A distribuição dos insetos será vista por meio de dados coletados por satélites sobre a vegetação, temperatura, umidade e cursos d'água em diversas regiões e por pesquisadores em solo equipados com smartphones e palms. A iniciativa recebeu o nome de Vecmap e está sendo testada para mapear os mosquitos da Europa com o objetivo de ajudar em iniciativas ligadas à saúde pública. A série de testes do programa começou em 2009 na Holanda, Reino Unido, Bélgica, França, Suíça e Itália. Ao saber onde estão, os agentes sanitários podem manter a população dos insetos abaixo do necessário para trazer riscos à população. A ideia é formar um grande banco de dados sobre locais onde os insetos podem surgir.
Fotos: Avia-GIS / via ESA
Fonte: G1; estadao.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.