terça-feira, 8 de novembro de 2011

Minhocas ajudam a diminuir as mudanças climáticas


A minhoca tem provado que é uma sobrevivente da natureza. São 300 milhões de anos em que elas habitam o planeta e agora foi descoberto que elas previnem secas e inundações, que são reflexos do aquecimento global. No Reino Unido foi realizada uma pesquisa de quatro anos de duração em Leicestershire, com apoio do grupo Heritage Lottery Funding, e foi observado um importante papel das minhocas na terra. Elas cavam o solo, reciclando nutrientes, além de serem importantes como alimento  de pássaros de várias espécies. O anelídeo é capaz de comer um terço de seu peso em terra por dia. Ao cavar túneis, elas absorvem água, transformando o solo em uma esponja no período de enchentes. Durante as secas, ajudam no retardamento de perda de água do solo. Elas podem chegar até 10 anos de vida e podem andar até 8 metros por hora no solo. A época reprodutiva das minhocas é definida mais por condições meteorológicas, que propriamente meses do ano. Quando o ambiente e a temperatura são favoráveis, que ocorre habitualmente nos períodos quentes e úmidos, e de uma forma geral à noite, as minhocas procuram um parceiro para fecundar. Cada minhoca, em condições ideais, pode deixar de 100 a 140 descendentes em um ano.
Fonte: Rede Ambiente

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.