domingo, 4 de dezembro de 2011

Fotógrafo desafia perigo registrando predadores aquáticos

O fotógrafo David Doubilet desafia o perigo mergulhando ao lado de algumas das criaturas mais perigosas e fascinantes do mundo subaquático. Raias, medusas, águas-vivas, peixes, e mesmo predadores, como tubarões e crocodilos, não escapam das lentes intrépidas de Doubilet. O fotógrafo, de 64 anos, diz que quer oferecer a seus espectadores um pouco das belezas e estranhezas do mundo submarino. Nascido em Nova York, Doubilet começou a trabalhar como fotógrafo aos 12 anos de idade. Na adolescência, ele já mergulhava nas águas da baía de Nova Jérsei e nas Bahamas, no Caribe. Desde 1971, ele colabora com a revista National Geographic. Vencedor de vários prêmios de fotografia e por sua atividade ambiental, Doubilet é autor de sete livros sobre vida aquática.

Foto 1: O fotógrafo David Doubilet com a raia jamanta, fotografada à noite no mar de Kona, no Havaí.

Foto 2: Nesta imagem, ele registra um tubarão-baleia no mar do Estado da Baja Califórnia, México.

Foto 3: Doubilet não hesita em chegar perto dos predadores, como este crocodilo americano de quase quatro metros de comprimento, fotografado na costa de Cuba.

Foto 4: Aqui, ele registra uma água-viva nas águas da ilha de Gam, Raja Ampat, na Indonésia.

Foto 5: Nesta imagem, uma vespa-do-mar, espécie de 'prima' da medusa que vive no oceano Pacífico, captura um camarão com seus tentáculos. A foto foi tirada na Austrália.

Foto 6: Nem todos animais das fotografias de Doubilet oferecem perigo, a exemplo desta rã que pulou na máscara do fotógrafo no delta do rio Okavango, em Botsuana.

Foto 7: Este golfinho atraiu a atenção dos banhistas no resort de Monkey Mia, na costa noroeste da Austrália Ocidental, e foi fotografado por Doubilet.

Foto 8: Nesta foto, Doubilet captura o momento exato em que um aborígine Bardi perfura uma arraia com uma lança em Hunter Creek, no noroeste Austrália.

Foto 9: Nesta fotografia Doubilet aparece ao lado de uma espécie de garoupa em risco de extinção na barreira de corais da Austrália.

Foto 10: Nesta fotografia David Doubilet está na Península Antártica, fotografando a vida marinha no gélido extremo da Terra.






 Fontes: MSN Verde; Último Segundo; estadao.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.