sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Astrônomos obtêm melhor imagem já feita de vítima de vampira espacial

Astrônomos divulgaram as melhores imagens já feitas de uma estrela vampira com sua vítima. A fotografia foi feita combinando o trabalho de quatro telescópios do Observatório Europeu do Sul (ESO) – o que rendeu uma imagem 50 vezes mais nítida que a do Hubble. As chamadas “estrelas vampiras” recebem esse nome porque sugam a massa de uma vizinha. As estrelas observadas estão na constelação da Lebre, a uma distância uma da outra equivalente à da Terra ao Sol. A maior delas é também a mais fria e por estar tão perto, acaba perdendo massa para sua companheira mais quente – a vampira. Os astrônomos acreditam que metade de sua massa original já foi perdida. A fotografia surpreendeu os cientistas ao mostrar que o “roubo” ocorre de forma mais “gentil” do que eles imaginavam. Antes, eles acreditavam que essa transferência era automática, de uma para a outra. Agora, se questionam se a massa não pode estar sendo expelida pela estrela mais fria, levada pelo vento estelar e capturada pela mais quente.
Foto: Imagem 50 vezes mais nítida que a do Hubble mostra estrela vampira canibalizando companheira (Foto: ESO/PIONIER/IPAG)
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.