quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Centopeia da Amazônia alimenta-se de vertebrados

A centopeia gigante da Amazônia, vulgarmente chamada de lacraia, é um invertebrado que não possui medo do homem e ainda pode causar sérios danos à ele. Muito encontrada na Amazônia, está espécie move-se com muita agilidade, pois tem pernas longas. Suas pernas traseiras são espinhosas com o objetivo de afastar os predadores. Os membros no primeiro segmento do corpo são modificadas no formato de presas, que expelem veneno, chamadas de maxilípedes. Estas mandíbulas são usadas para caçar seu alimento. Estas presas terminam em uma garra afiada com uma glândula de veneno aberta e são usadas para apreender e matar o animal caçado. No homem, este veneno pode causar até o tétano e por isto se não for tratado, ele pode chegar a morte.Cada segmento do corpo da centopeia tem um par de pernas, a não ser o último segmento que termina com um espinho. Há sempre um número ímpar de pares de pernas variando de 21 a 23 e assim sucessivamente. O tamanho da espécie é bem variável. Costuma ter no mínimo 12 cm, mas algumas já foram vistas com até 50 cm. A estimativa de vida do animal é de 10 anos e normalmente vivem em ambientes úmidos, se alimentando de outros invertebrados como caracóis, vermes e baratas, mas também se alimenta de pequenos vertebrados como lagartos, sapos e ratos.
Para saber mais sobre este animal pesquise em nosso blog. 
Fonte: Rede Ambiente

Um comentário:

  1. ótima informação,que bom que tem alguém que ainda se preocupa com a natureza quase falida.

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.