segunda-feira, 2 de abril de 2012

Degradação de Nascentes e Barramento Ameaçam o Pantanal


A degradação de nascentes e barramentos de rios que fluem do Cerrado para o Pantanal está ameaçando a sobrevivência do bioma, segundo a Análise de Risco Ecológico da Bacia do rio Paraguai. O estudo detectou que a metade da bacia pantaneira está sob alto e médio risco ambiental, sendo necessária a proteção urgente de 14% dela, com risco de implicações para a sua grande capacidade de fornecer água e manter os ciclos de cheias e vazantes do bioma. Por outro lado, apenas 11% da bacia estão protegidos de alguma forma e somente 5% sob proteção integral, ou seja, localizados em parques nacionais ou estaduais e estações ecológicas. Além disso, as mais de 170 áreas protegidas não estão distribuídas de forma adequada para proteger as regiões que mais fornecem água e as mais ricas em biodiversidade. Mais de 30 especialistas dos quatro países que abrigam a bacia pesquisaram o ecossistema durante três anos e constataram ainda que as áreas com maior risco se encontram, majoritariamente, em porções elevadas nas bordas da bacia e são as maiores fornecedoras de água à planície, onde ainda há boas condições ecológicas.
Ameaças: O desmatamento e o manejo inadequado de terras para agropecuária, causadores de erosões e sedimentação de rios, são os maiores vilões da degradação da Bacia do rio Paraguai. Outras ameaças ao ecossistema são os barramentos hidrelétricos, que alteram o regime hídrico natural do bioma, e o crescimento urbano e populacional, cujas obras de infraestrutura arriscam o frágil equilíbrio ambiental pantaneiro. O estudo, realizado em parceria pelo WWF, The Nature Conservancy e Centro de Pesquisas do Pantanal, é um forte alerta para que países, estados e municípios adotem uma agenda de redução de riscos e revertam modelos insustentáveis de desenvolvimento. Além de abrigar grande biodiversidade, da bacia pantaneira dependem mais de oito milhões de pessoas, 30 milhões de cabeças de gado e quase sete milhões de hectares plantados, área equivalente a um terço do estado de São Paulo. A bacia tem ainda importantes áreas de mineração. O Pantanal também é uma reserva estratégica de água doce, ainda mais importante frente ao futuro incerto das mudanças climáticas.
Foto: Rico em biodiversidade, Pantanal está ameaçado pela degradação dos rios/Foto: Nori Almeida
Fonte: EcoD

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.