domingo, 15 de abril de 2012

Planta carnívora utiliza perfume para atrair presas

A Nephentes raja é a maior planta carnívora do mundo. Está espécie é nativa de Bornéu, uma grande ilha localizada na Ásia, dividida em três países (Malásia, Indonésia e Brunei). Ela cresce exclusivamente em cima de uma serpentina (erva de até 30 cm) em áreas com solo úmido por infiltrações de água. A planta possui uma forma muito curiosa de provocar suas presas. Com o seu perfume e sua exuberante coloração, a vítima sente-se atraída. Com forte apetite, insetos, sapos, ratos, lagartos e até aves são induzidos a se aproximarem da planta e ao entrarem no seu “jarro” (interior) são surpreendidos por uma área lisa com uma quantidade de água que acaba afundando o animal.Esta região líquida dentro da planta é uma combinação entre a água da chuva com substâncias liberadas pela planta. Com isto, é iniciada a digestão da presa, que na maioria das vezes é um inseto, quebrando suas proteínas. A digestão dura de 2 a 5 dias. A Nephentes raja pode chegar a até 35 cm de altura e 18 cm de largura. Ela é capaz de consumir 6 litros de água por dia, sendo 3,5 litros, água que vem das chuvas, muito comum na região das florestas úmidas de Bornéu.
Fonte: Rede Ambiente

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.