quarta-feira, 4 de julho de 2012

Dicas para evitar o desperdício de água em casa, no trabalho e nas ruas

Segundo a ONU, cada pessoa necessita de 110 litros de água por dia para atender as necessidades de consumo e higiene. Apesar disso, utilizamos muito mais do que essa quantidade em nossas atividades diárias. Em virtude da comemoração do Dia Mundial da Água, realizadas no dia 22 de março, trouxemos uma série de dicas simples para ajudar a reduzir o seu consumo e garantir água potável para as próximas gerações.
Em casa - Escovando os dentes e fazendo a barba: Enquanto estiver escovando os dentes, deixe a torneira da pia fechada. Reabra apenas para enxaguar a boca ou o lavar o rosto.
Na piscina: Se você tem uma piscina de tamanho médio exposta ao sol e à ação do vento, você perde aproximadamente 126 litros de água por dia graças à evaporação. Com uma cobertura (material plástico), a perda é reduzida em 90%.  
Lavando roupa: Só utilize a máquina de lavar quando estiver com a capacidade total. No tanque, deixe as roupas de molho e use a mesma água para esfregar e ensaboar. Utilize a água usada no tanque para lavar o quintal e a área de serviço.
No jardim: Para molhar as plantas, use um regador ou mangueira com esguicho tipo revólver. No verão a rega das plantas deve ser feita de manhãzinha ou á noite. Isso reduz a perda de água por evaporação. Já no inverno a rega das plantas pode ser feita em dias alternados, pela manhã. 
No chuveiro: Evite banhos demorados. Na hora de passar o xampu e o sabonete, desligue o chuveiro. Banho de 15 minutos em chuveiros elétricos consome cerca de 140 litros de água. Banhos de cinco minutos são suficientes para higienizar o corpo e pode economizar até 96 litros de água.  
Na cozinha: Jogue os restos de comida no lixo. Molhe a ouça e feche a torneira. Ensaboe tudo o que tem de ser lavado e só então abra a torneira novamente para enxaguar. Em 15 minutos, uma torneira aberta pode despejar 243 litros de água no ralo. Com a torneira fechada enquanto as louças são ensaboadas, você gasta somente 46 litros.  
No quintal e calçada: Jamais use água para varrer a calçada e o quintal. Em vez disso, use a vassoura. Ao lavar a calçada ou quintal com a torneira aberta por 15 minutos, você gastará cerca de 280 litros de água.
Vaso sanitário: Não use o vaso como lixeira ou cinzeiro e não acione a descarga à toa, já que fazer isso por seis segundos gasta de 6 a 10 litros de água. Mantenha a válvula da descarga sempre regulada e, caso algum vazamento seja notado, conserte imediatamente. Para saber se há vazamento no vaso, faça um teste simples: jogue bolinhas de papel higiênico ou cinzas no vaso e observe. Se elas não ficarem depositadas no fundo é sinal que há um vazamento.
No carro: Lavar o carro com mangueira com meia volta aberta consome 560 litros de água, por isso procure usar balde e pano ao invés de uma mangueira. Ao lavar o carro com balde, apenas uma vez por mês, você irá gastar apenas 40 litros de água. Outra dica é não lavar o carro durante a estiagem. Na empresa  
Localize e conserte regularmente, os vazamentos de água:Organize uma auditoria no sistema hidráulico para verificar vazamentos em torneiras e vasos sanitários.Repare-os o mais rápido possível.
Instale acessórios e dispositivos para a economia de água: Considere o uso de dispositivos de baixo fluxo nas torneiras e vasos sanitários. No caso de vasos sanitários com alavancas para descarga de água, instale diafragmas para conter o consumo da água. Ao construir ou reformar, procure equipamentos e acessórios com dispositivos de baixo fluxo. Evite o uso de equipamentos de fluxo contínuo.  
Reduza o consumo da água nas áreas externas: Utilize práticas de economia de água na jardinagem. Por exemplo, o uso de matéria vegetal ao redor das plantas reduz a evaporação. Assim, o jardim poderá ser irrigado com menos freqüência. Utilize formas alternativas de irrigação, que reduzam o consumo de água. Considere o plantio de folhagens e grama resistentes à seca, que necessitam de pouca água. 
Nas ruas Denuncie vazamentos: Caso veja algum cano estourado ou vazamento na rua, ligue imediatamente para a empresa responsável da sua cidade e informe o ocorrido e o local. Caso o reparo demore de ser realizado, não deixe de ligar novamente e obrar à empresa. 
Foto: Gabriel Rocha
Fonte: EcoD

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.