segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Fotógrafo brasileiro faz raro registro de peixe-lua nadando nos EUA

Um fotógrafo subaquático brasileiro registrou uma rara imagem de um peixe-lua (Mola mola) em San Diego, nos EUA. O trabalho foi feito há dois anos, mas divulgado apenas agora, após ficar "esquecido" em uma pasta de imagens não usadas. A foto já virou uma espécie de "viral" nas redes sociais. Em julho de 2010, o profissional "esbarrou" com o animal ao participar de um projeto para clicar baleias-azuis. Botelho viu cinco espécimes, mas quatro nadaram para longe e apenas um ficou parado. O homem que aparece na imagem não é ele, mas outro fotógrafo que queria fazer um registro do peixe com o brasileiro. Os peixes-lua têm o corpo achatado e são os peixes ósseos mais pesados do mundo, podendo chegar a mais de 2 toneladas e 4 metros de comprimento. Eles são mansos e até parecem apáticos, mas são difíceis de fotografar porque se movem rapidamente e não gostam de mergulhadores por perto. Esses animais vivem em mares tropicais e temperados, e se alimentam de criaturas gelatinosas, lulas e pequenos peixes. Por causa do "bico", não conseguem fechar totalmente a boca. Frequentemente, são vistos perto da superfície e confundidos com tubarões.
Foto: Foto rara de peixe-lua foi feita em 2010 e divulgada agora nas redes sociais (Foto: Daily Mail/Reprodução)  
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.