quinta-feira, 6 de setembro de 2012

Escaner cerebral permite formar palavras com pensamento

Um novo dispositivo desenvolvido por pesquisadores da Universidade Maastricht, da Holanda, permite que pessoas completamente paralisadas consigam conversar por meio de um novo escaner cerebral que forma palavras apenas com o pensamento, de acordo com pesquisa publicada na revista científica “Current Biology”. O dispositivo usa imagem de ressonância magnética funcional (fMRI) para selecionar entre 27 opções, que representam as letras do alfabeto e uma tecla de espaço. Cada escolha produz um padrão diferente de fluxo de sangue no cérebro, detectado e interpretado pelo dispositivo fMRI, de acordo com o artigo científico. De acordo com comunicado de imprensa divulgado pela Universidade de Maastricht, o novo escaner reaproveitou tecnologias de ressonância cerebral já desenvolvidas e expandiu sua utilidade. Agora, são possíveis diálogos curtos em tempo real. Isto porque o novo equipamento permite que indivíduos respondam questões de múltipla escolha com quatro ou menos respostas possíveis. O estudo aponta que o novo aparelho usa a "hemodinâmica", respostas do fluxo sanguíneo nos cérebros dos participantes para discernir o que estavam escolhendo.  
Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pela visita. Deixe sua crítica e sugestão para aperfeiçoarmos o blog. Abraços e Volte Sempre.